Compartilhar Inscreva-se

BPO: vale a pena nas áreas contábil e tributária?

BPO: vale a pena nas áreas contábil e tributária?

Você já ouviu falar em BPO – Business Process Outsourcing? Muitos empresários desconhecem totalmente esse conceito, tampouco sabem como ele pode ser aplicado dentro de um negócio e quais os benefícios conquistados pela aplicação desse processo.

Pensando nisso, resolvemos escrever este artigo. Nele, demonstraremos o conceito dessa ferramenta, para que serve e como funciona. Depois de entendidos esses pontos, mostraremos o quanto seria importante aplicar esse elemento na área contábil ou fiscal da sua empresa. Acompanhe!

O que significa BPO?

BPO é a sigla utilizada para designar o termo em inglês Business Process Outsourcing que, traduzindo para o bom e velho português, significa terceirização de processos do negócio. Dito de outro modo, trata-se da contratação de terceiros para executarem atividades que não fazem parte do core business da empresa, ou seja, sua atividade ou finalidade econômica.

O BPO ganhou mais força no Brasil após a aprovação da nova Lei de Terceirização. Apesar dessa legislação não afetar em nada esse processo, ela trouxe à tona os benefícios e as vantagens que o serviço terceirizado pode proporcionar para algumas áreas da empresa.

Esse processo, no entanto, não pretende transferir a responsabilidade operacional e administrativa de determinadas áreas para outro empreendimento. Na verdade, visa um trabalho integrado que ofereça informações importantes para a tomada de decisões dentro do empreendimento, bem como, para que garanta o perfeito cumprimento de todas as exigências legais.

Vale a pena aplicar o Outsourcing nas áreas fiscal e contábil?

BPO: vale a pena nas áreas contábil e tributária? Descubra a seguir!

 

Analisando o conceito e funcionamento do BPO, conclui-se que ele pode ser aplicado amplamente nos serviços contábeis e fiscais das empresas. Afinal, já existem processos de terceirização nessas áreas, entretanto, até a disseminação desse conceito, ele era realizado de forma convencional, quase sem nenhum tipo de integração.

Para você entender como o BPO pode ser utilizado nas áreas contábil e fiscal, vamos apresentar alguns dos principais benefícios que resultam de aplicar esse conceito na sua empresa. Continue lendo para conhecê-los!

Terceirização de processos

Um dos primeiros benefícios que podem ser obtidos com o processo de Outsourcing nas áreas contábil e fiscal é a própria terceirização dos processos necessários para cumprir com as exigências de cada uma dessas atividades.

Com a quantidade e a velocidade que as normas contábeis e tributárias mudam, é praticamente impossível para um gestor conhecer cada uma das questões que são aplicáveis ao seu negócio.

Direcionamento no foco dos gestores

Outro benefício interessante do Outsourcing nas áreas contábil e fiscal é o direcionamento do foco dos gestores, proporcionando que eles deem atenção prioritária ao core business do negócio, ou seja, às práticas que efetivamente gerarão resultados positivos para o seu empreendimento.

Apoio de uma equipe especializada

Ao aplicar esse processo em sua empresa, você poderá contar com o apoio especializado de profissionais qualificados e que conhecem todas as obrigações que sua empresa precisa cumprir, sem que seja necessário desenvolver todo o conhecimento necessário nessa área, o que demoraria anos para ser adquirido.

Além disso, devemos destacar que esse tipo de legislação muda com muita frequência, o que dificulta o aprendizado.

Cumprimento de obrigações contábeis e fiscais

Um simples descuido com uma obrigação contábil ou fiscal pode colocar em risco todo o seu negócio. A cada ano, os processos de fiscalização estão ficando cada vez mais avançados e, até mesmo pequenos deslizes, que quase sempre ocorrem sem o gestor perceber, estão sendo severamente punidos.

Nesse contexto, ao investir em BPO nas áreas fiscal e contábil, você poderá aperfeiçoar os processos, evitando, assim, que esse tipo de problema passe desapercebido e ocasione os prejuízos que já mencionamos, tais como multas, bloqueios de certidões de regularidade de débitos e outras penalidades.

Mitigação de riscos fiscais

A aplicação do BPO nessas áreas é de extrema importância e pode proporcionar benefícios muito visíveis em pouco tempo. Entretanto, quando voltamos os olhos para a área fiscal, essas vantagens crescem ainda mais.

Ao contar com esse tipo de ferramenta, você conseguirá mitigar riscos fiscais, evitando que determinado tributo ou obrigação acessória deixe de ser cumprida e, o principal, garantirá uma carga tributária adequada ao seu negócio, evitando pagamentos a menor, bem como, os desnecessários.

Acredite, muitas empresas estão drenando seus recursos e prejudicando a geração de resultados pelo simples fato de estarem enquadradas em opções tributárias incorretas, o que acaba fazendo com que sua carga tributária se eleve, comprometendo severamente a sua lucratividade.

Ao contar com um BPO na área fiscal, esse tipo de problema poderá ser consideravelmente reduzido, garantindo, ainda, que sua empresa também aproveite alguns benefícios fiscais que determinados estados e municípios possam oferecer.

Aumento da lucratividade

Por fim, podemos concluir que a implementação do BPO proporcionará um aumento na lucratividade da empresa. Isso pode ser notado sob duas óticas.

A primeira se deve ao fato de que esse processo oferece melhorias para a gestão fiscal e compliance das informações, mitigando erros nessa área e proporcionando adequação à Legislação Tributária de acordo com a realidade do negócio. Isso garante que a empresa pague apenas os impostos efetivamente devidos.

O outro fator em que podemos notar uma melhor lucratividade da empresa está ligada à qualidade e velocidade das decisões tomadas pelos gestores. Quando o BPO é aplicado na área contábil, ele fornece informações precisas e com altíssimo grau de confiabilidade, podendo utilizá-las para decidir quanto a questões que podem impactar diretamente no lucro da empresa.

Nesse sentido, a implementação dessa estratégia tem o poder de melhorar a gestão de um empreendimento, garantindo o cumprimento de todas as suas obrigações, bem como, gerando informações precisas que sirvam de norte para as decisões importantes.

Como você pode perceber, o processo de BPO visa à potencializar a gestão fiscal e contábil da empresa, otimizando áreas e mitigando riscos. Além disso, ela também garante aos gestores o foco total no core business, proporcionando a eles a tranquilidade de saber que todas as obrigações estão sendo devidamente cumpridas.

Gostou deste post? Quer receber nossos conteúdos em primeira mão? Então, assine nossa newsletter e não perca nenhuma nova postagem.

Compartilhe
Dome Expertise Tributária

Dome Expertise Tributária